Archive for Cotidiano

28 fev 2015

SONHE GRANDE

No Comments Administração e Gestão, Carreira, Coaching, Comportamento, Comportamento Empreendedor, Cotidiano, Estabelecimento de Metas, Negócios, Sucesso

Quando a gente sabe para onde vai, não aceitamos qualquer caminho! Por isso: FOCA NA META! 

 

lounge-empreendedor-sonhe-grande

No caminho para o sucesso, assim como para a manutenção dos resultados desejados, a quantidade de energia, confiança e dedicação que colocamos nas nossas ações são fundamentais. Os vencedores têm o hábito de projetar expectativas positivas sobre sua vida, suas metas e seus objetivos. Existem algumas características comuns às pessoas de sucesso, como por exemplo, níveis elevados de energia, grande mobilização de recursos, grande capacidade de mostrar que estão no topo das coisas e parece que nada pode detê-los em busca do seu objetivo.

Você já conviveu com pessoas que são exímias em alcançar os objetivos a que se propõem?

É encantador… Elas são pessoas com enorme confiança e uma firme convicção de que não importa o que encontram pelo caminho, o que vale é o FOCO e a DETERMINAÇÃO rumo ao sucesso.

Todos os dias quando acordamos, podemos definir o desenrolar do resto do dia. Qual foi o seu primeiro pensamento hoje pela manhã? Quais são seus planos e objetivos? Walt Disney disse: ”Se você pode sonhar, pode fazê-lo”.

Crie um “filme mental”  das suas metas, e veja-o na sua mente quantas vezes (e quando) quiser. Seja a figura principal desse filme, capacite-se e dê as habilidades à sua personagem. Sinta o cheiro, o sabor e a sensação da conquista do seu objetivo atingido.  Essa imagem clara na sua mente deve ser como aquele post-it colado na frente do seu monitor que lhe relembra aquilo que quer muito fazer e é prioritário. Quando temos uma meta poderosa estabelecida, encaramos cada novo dia com mais energia.

Mas tome cuidado: estabeleça objetivos preferencialmente que dependam de si. Para que eu possa sonhar em ser avó, meu filho também precisa ter o desejo de ser pai. Estar dependente de outros ou de circunstâncias das quais você não tem qualquer tipo de controle, nos coloca numa situação vulnerável. Evite-os!

Estabeleça critérios concretos para medir seu próprio progresso em direção à realização de cada objetivo que você definiu. Quando você mede o seu progresso, você fica no caminho certo. Alcançar pequenos avanços nas datas estabelecidas é experimentar a alegria da conquista e vai direcioná-lo a dar continuidade ao esforço que ainda resta.

É claro que nem sempre poderemos controlar tudo o que irá de acontecer. Sofreremos influencia daquilo que nos cerca, coisas boas e coisas más acontecerão, mas sempre temos a possibilidade de aprender e agir de forma que nos beneficie.

Por isso, adquira o hábito de agir positivamente no seu dia desde o momento em que se levanta da cama. Tenha planos. Escolha as palavras, imagens e cenários mentais que possam colocá-lo num estado de ser pleno de recursos alinhados às exigências, desafios e objetivos que se propõe. Relembre a si mesmo que tem o poder de se autoinfluenciar positivamente e vencer. A vida é o resultado do que fazemos e não do que, ilusoriamente, dizemos querer fazer.

21 fev 2015

FORTALEÇA SUA VIDA

No Comments Carreira, Coaching, Comportamento, Cotidiano, Equilíbrio, Inteligência Emocional, Negócios, Relacionamento Interpessoal, Resiliência, Trabalho em Equipe

Mude sua percepção acerca dos problemas e fortaleça sua relação com o trabalho.

 

lounge-empreendedor-fortaleça-sua-vida
 

Independente da sua profissão ou do negócio que administra, você há de concordar comigo que o estilo de vida atual não é dos melhores: a competitividade do mercado de trabalho, a sobrecarga de tarefas, a preocupação com segurança e com o desemprego nos causa uma sensação permanente de tensão e desespero. Sentir-se mal no tempo e no espaço não é mais privilégio de nenhum astronauta.

Como profissionais somos forçados a nos adaptar a ambientes cada vez mais complexos, a nos confrontar com ineditismos e dominar informações em intervalos cada vez mais curtos. E cada um de nós tem um limite para suportar a pressão.

Segundo uma pesquisa do Instituto de Ciência e Tecnologia de Manchester, os executivos brasileiros estão entre os mais insatisfeitos em todo o mundo com o trabalho. A pesquisa realizada em 24 países coloca o Brasil em 17º lugar no ranking de Saúde Mental; em 14º no de satisfação no trabalho e 18º em saúde física.  Sintomas de esgotamento, dores de estômago e insônia; ansiedade, insegurança e irritação são os fatores físicos e psicológicos mais diagnosticados e que prejudicam não só o desempenho profissional, assim também as relações familiares.

A questão é: como conviver com tudo isso e ainda manter o equilíbrio?

Saber se adaptar e reajustar confortavelmente, reagir de forma inteligente às pressões e pressentir e antecipar acontecimentos, é uma das competências mais valorizadas nos modelos organizacionais atuais onde a palavra de ordem é RESILIÊNCIA.

A palavra “resilio” no latin significa voltar ao estado natural. Nas ciências humanas, o conceito de resiliência é a capacidade de um indivíduo em possuir uma conduta sã num ambiente insano, ou seja, a capacidade de sobrepor-se e posicionar-se positivamente frente às adversidades.

Por incrível que pareça, nossas desventuras podem extrair o que há de melhor em cada um de nós, pois despertam capacidades que, em circunstâncias favoráveis, teriam ficado adormecidas. Nunca sabemos como vamos reagir e se vamos ou não ficar com raiva ou medo quando algo inesperado acontece, mas podemos definir quanto tempo alimentaremos esse sentimento, assim como de que forma canalizaremos essa emoção em uma ação ou reação positiva e construtiva.

Ser resiliente é ser autoconfiante, acreditar nas suas verdades, dar-se o devido valor, acreditar em si e naquilo que é capaz de fazer, aceitar mudanças, encarar as situações de estresse e adversidade como um desafio, controlar a ansiedade, ser aberto às novas experiências, ter autoestima positiva, administrar bem os sentimentos e as emoções em ambientes imprevisíveis e emergenciais, automotivar-se, ser empático, reconhecer emoções em outras pessoas e saber manejar relacionamentos.

Talvez não seja fácil, mas é um comportamento possível quando entendemos que o problema não é o problema. O problema é a nossa atitude com relação ao problema.​

31 jan 2015

DE VOLTA À ROTINA

No Comments Administração e Gestão, Ambiente de Trabalho, Boas Práticas, Carreira, Coaching, Comportamento Empreendedor, Cotidiano, Gestão do Tempo, Produtividade

Não pragueje contra a rotina, ao contrário, comemore quando tudo está normal.

lounge-empreendedor-de-volta-a-rotina

Todo dia ela faz tudo sempre igual: me sacode às seis horas da manhã, me sorri um sorriso pontual e me beija com a boca de hortelã." A música "Cotidiano", de Chico Buarque, pode parecer o presságio de uma vida sem graça, mas ter uma rotina estabelecida não é sinônimo de tédio ou marasmo.

Na verdade, o ser humano, com a sua interminável mania de reclamar, vive criticando a rotina, desejando que as coisas mudem ou esperando que um meteoro passe pela sua vida para, nesse vendaval de emoções, sentir-se renovado e reanimado.

A palavra rotina significa "um conjunto de operações ordenadas, que fazem parte de um programa para executar uma operação repetida, que se efetua frequentemente ou sempre da mesma maneira". Rveclamamos da rotina, mas esquecemos de que, quando saímos dela, nem sempre há uma garantia de acontecimentos bons.

Quantos não gostariam de nunca ter ouvido aquela notícia de uma doença grave? Quantos não quereriam voltar o tempo antes de ouvir que aquela relação estava desgastada e que melhor era a separação? Quantos não queriam de volta o emprego de que tanto reclamavam?

Por isso, precisamos aprender a valorizar a "rotina boa", o beijo de "bom dia" ou "boa noite", as brincadeiras, o almoço com os amigos, o dormir abraçadinho… É ela que nos mostra o valor do formidável. Pense bem: o que você gosta de fazer pra sair da rotina? Viajar? Faça isso todos os dias, durante anos. Logo essa se tornará sua rotina. Não tem jeito! E é para isso que ela serve, para você desejar as férias de fim de ano, a saída ao barzinho, a viagem para o lugar dos sonhos.

Outro significado da palavra é: "caminho já trilhado e sabido". Porque não podemos encarar assim nosso cotidiano? Não é bom sabermos como será o dia de amanhã? Os períodos em que mais sentimos medo, angústia e ansiedade são justamente aqueles em que desconhecemos o que está por vir.

Por isso, defendo a rotina como algo necessário, indispensável e insubstituível. Nosso corpo precisa dela para seu bom funcionamento e nossa mente precisa de tempo, tranquilidade e calma para organizar o pensamento lógico, avaliar cenários e tomar decisões. Nada se constrói sem disciplina e organização.

Precisamos aprender a valorizar o caminho conhecido, não esperar demais das situações e aprendermos a nos sentir felizes sem que nada de especial tenha acontecido; apenas o fato de tudo estar no seu devido lugar, de nos sentirmos bem e termos a consciência tranquila. Na realidade, a cada novo amanhecer existe uma renovação e, para sair da rotina, basta despertar a cada dia de bom humor, esperando que esse novo dia corra bem, para que possamos fazer o melhor e que boas surpresas possam nos surpreender.

Se você quer um passo a passo para estabelecer uma rotina eficiente, vejas as dicas que o Lounge Empreendedor preparou pra você: 

  • Organização: Antes de conseguir mudar a sua rotina, ou criar hábitos que favoreçam o desenvolvimento das suas atividades, é preciso ter um plano, um mapa de todas as suas tarefas. Conhecer bem a sua rotina é o primeiro passo para conseguir traçar um plano. Em seguida, organize a sua vida, começando pela sua mesa de trabalho, o desktop do seu computador e a ordem das tarefas.  Isso vai ajuda-lo a economizar tempo, essencial para uma rotina eficiente.
  • Realidade: Ser otimista é importante, mas ser realista é uma necessidade. Por isso, não crie metas inatingíveis! Trace a sua rotina de acordo com o tempo que você tem disponível e o período que você leva para executar cada tarefa. Monte uma lista com todas as tarefas e coloque-as de acordo com a prioridade. Seja razoável e tenha bom senso ao escolher as mais importantes e inevitáveis primeiro.
  • Multitarefa: Realizar várias tarefas ao mesmo tempo pode ser totalmente prejudicial para a qualidade final do seu trabalho. Embora alguns projetos exijam que você se envolva em diferentes atividades, seja cuidadoso e tente fazer cada uma individualmente, para conseguir se dedicar mais e melhor.
  • Produtividade: Quem conhece a si mesmo sai na frente dos outros profissionais, pois consegue reconhecer qual o melhor momento para executar determinadas tarefas. Considere isso durante a sua rotina, observe qual o horário e o rendimento de todas as suas atividades e vá modificando até conseguir uma rotina otimizada.
  • Tempo: A gestão de tempo é essencial para uma rotina eficiente. Faça uma planilha e insira todas as suas atividades e o tempo que leva em cada uma. Vá anotando até conseguir uma forma organizada e que promova melhor a produtividade.
  • Reuniões: Reuniões costumam ocupar tempo demais, por isso cuidado com elas. Só aceite participar de reuniões quando for realmente importante. Quem está gerenciando uma equipe, deve observar qual o melhor horário e dia para marcar essas reuniões, sem prejudicar o desempenho final.
  • Mídias sociais: Ficar online o tempo todo pode ser prejudicial ao seu desempenho. Claro que é importante participar das redes sociais, mas tenha bom senso e separe um período para participar das redes que você faz parte, sem prejudicar o seu desempenho.
  • Informação: Existem várias maneiras de conseguir melhorar a aquisição de conhecimento, por isso, aproveite para fazer uma triagem sobre as principais notícias e informações sobre a sua área de atuação. Quem está bem informado sempre tem destaque.

E se agora, você estiver com um tempinho livre, aproveita pra curtir Chico Buarque com um novo olhar sobre a rotina! 

 

24 jan 2015

DIAMANTES SÃO ETERNOS

No Comments Comportamento, Cotidiano, Escolhas, Família, Qualidade de Vida, Saúde, Valores, Viva Positivamente

O que Fernanda Gentil, apresentadora da Globo, e o famoso 007, Pierce Brosnan podem nos ensinar em comum?

lounge-empreendedor-diamantes-eternos

Tirando as medidas econômicas do governo, as vítimas do Charlie Hebdo e o BBB, dois assuntos povoam as conversas virtuais nos últimos dias: o fato de Pierce Brosnan , o 007, não ter largado sua mulher depois que ela engordou e as criticas ao corpo da Fernanda Gentil  na praia feitas pelo portal R7 e depois, justificadas por ela mesmo como uma gravidez de 2 meses.

É meio óbvio que ambos os temas "jornalísticos" têm em comum o machismo e a perpetuação da busca por um ideal de beleza sacrificante e não quero ficar aqui chovendo no molhado.  Entretanto, somados à história recente de uma canadense, mãe de cinco filhos, que foi repudiada na praia pelas “nojentas e desagradáveis” estrias e pela quantidade de homens bem-sucedidos de 50 e 60 anos que abandonam suas companheiras, decidi realmente colocar a boca no trombone (esse é nome da nossa coluna, certo?) e provocar algumas reflexões.

Afinal, quantas meninas e mulheres você conhece lindas, gostosas, legais, charmosas, sexy, interessantes e de regime? Quantas que estão "dentro do padrão" julgam as "gordinhas" com os olhares incentivando-nos com dietas, detoxes, exercícios e sei lá mais o quê? Por que vivemos nos preocupando com a saúde de um gordinho, mas não com a daqueles que de tão magros flertam com a anorexia? Qual seria o meu papel na perpetuação desse padrão ao viver de regime sendo que meu IMC é considerado normal, meus exames estão todos em dia e eu me sinto cada vez mais bonita?

Pois, então, falemos sobre “James Bond” e sua esposa! O que tem de exemplo em continuar casado com a pessoa que você ama? Com a mãe dos seus filhos? Quão distorcida é a sociedade que enaltece um homem que está ao lado de quem ama e de quem lhe faz sorrir, mas que se assusta com o fato desta pessoa não se encaixar no que a sociedade considera adequado?

Tem algo muito errado! Cuidar de si mesmo por uma questão de saúde, de bem-estar e de autoestima é positivo, mas deixar de lado valores e formação profissional para permanecermos na Terra do Nunca como as sereias de 20 e poucos anos é ilusório.

Não sermos capazes de realmente aceitar nosso eu, apesar dos aparentes problemas, é a forma mais comum da geração de conflitos psicológicos. Afinal, há uma infinidade de pessoas que defendem a liberação das amarras da balança enquanto se entopem de barrinha de cereal, certo?

Com essa atitude, a mudança fica muito difícil. Talvez a melhor resposta para a sociedade seja a que nos foi dada por Tanis Jex-Blake, a canadense hostilizada na praia, “Sinto muito se minha barriga não é plana e firme e esteja coberta de estrias. Mas não lamento que o meu corpo tenha abrigado, protegido e alimentado cinco seres humanos fabulosos, saudáveis, inteligentes e maravilhosos”. Pois é, caro leitor, nessa vida vale mesmo a vida que a gente leva!

lounge-empreendedor-diamantes-eternos

04 jan 2015

COMEÇOU, E AGORA?

No Comments Ano Novo, Comportamento, Cotidiano, Datas Especiais, Momentos de Vida, Mudança, Sonhos

As resoluções de ano novo não devem ficar apenas no território dos desejos, mas alcançar o território das ações e das realizações. Vamos lá? 

lounge-empreendedor-começou-e-agora

Cada ano que desponta renova a esperança em dias mais felizes. Previsões são feitas, metas estabelecidas. Entretanto, nada se modificará se não soubermos que, por detrás do ideário de um mundo melhor, é indispensável, logo em primeira instância, uma postura pessoal exteriorizada em boas ações. Há alguns anos, indagada sobre as expectativas da virada de mais um ano, exclamei: Ano-Novo! Ano-bom? Depende de nós! 

Parar de fumar, emagrecer, largar o emprego. Já ouvi de tudo nesses primeiros dias. Mas como é difícil mudar qualquer conduta em nós mesmos. E pior: tantos pretendem, através do discurso, mudar os outros: impossível!

O medo, a culpa, a vaidade e os velhos hábitos são os ingredientes mais fortes dos processos íntimos que inibem a mudança de qualquer um dos nossos padrões de conduta. Ou você realmente acha que está acima do peso pelo que comeu entre o Natal e o Ano Novo? Não seria o que comeu entre o Ano Novo e Natal?

Pois é… Entender esse processo é o que chamo de assumir a responsabilidade por uma mudança de hábito que seja real. Criamos uma pressão muito grande por metas bem definidas (leia-se declaradas por escrito), caso contrário você é alguém que dificilmente conquistará alguma coisa durante o ano, pois “não possui foco”. Mas o segredo vai bem além do papel, está na vontade!

Quem disse que se fizermos igual a todo mundo teremos resultados diferentes?

É preciso que uma lista de metas funcione para quem funciona com elas, senão serve apenas como uma declaração escrita de culpa e frustração ao findar do próximo ano. Existem pessoas que não funcionam com lista, mas por objetivos pontuais, traçados e realizados individualmente. Outras, no entanto, têm nas listas a bússola norteadora para o desenvolvimento pessoal e profissional e se sentem satisfeitas ao constatarem que estão evoluindo ao riscar cada meta cumprida.

O que não vale é se acomodar, estagnar e não ter objetivos na vida, agora se isso vai ser feito em forma de lista ou mentalmente, depende mais de você do que aquilo que dizem por aí. Costumo dizer que metas são os sonhos com prazos definidos. Se você quer ter a sensação de “missão cumprida”, sonhe de uma forma possível de ser alcançada e não algo totalmente fora das suas capacidades atuais; rastreável de maneira a lhe permitir aferir o seu progresso enquanto vai à sua direção; e palpável de modo que seja possível você avaliar se conseguiu ou não alcançá-la.

Listas de metas não se realizam sozinhas é preciso de atitude para que se concretizem. Do mesmo modo, deixar de fazer uma lista de metas não te faz uma pessoa sem objetivos, tudo vai depender do quão disposto e compromissado você está com seu crescimento e para isso não há no mundo, quem ou o que precise outorgar este pacto e nem é preciso de uma lista para que se tenha certeza disso.

lounge-empreendedor-começou-e-agora-atitude

 

 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...