Archive for setembro 4th, 2015

04 set 2015

DICA DE LEITURA: TRANSFORMANDO VISÃO ESTRATÉGICA EM AÇÃO PROATIVA

No Comments Administração e Gestão, Estratégia, Inteligência Competetitiva, Mercado, Nem Todo Empreendedor Nasce Sabendo

Já imaginou encontrar um guia prático para operacionalizar e desenvolver ações estratégicas em seu dia-a-dia?

lounge-empreendedor-transformando-visao-estrategica-em-acao-proativa  

Talvez você não imagine, mas anualmente várias empresas ao redor do mundo gastam bilhões de dólares em consultoria de estratégia. Um número que poderia ser maravilhoso, se aproximadamente 90% das iniciativas estratégicas não fracassassem em proporcionar os resultados pretendidos. Sim! 90% do que as empresas se propõem a fazer acaba não acontecendo…

Embora em sua maioria elas se concentrem em revisitar, rever e remodelar suas estratégias, muitas acabam se esquecendo do próximo passo: assegurar que elas aconteçam.

Na verdade, eu ousaria dizer que existem muitas pessoas inteligentes desenvolvendo estratégias, mas poucas dispostas a realmente executá-las.

Assim, a lacuna que se cria entre estratégia e execução é enorme. Quase todos os meus alunos das aulas de Diagnóstico Empresarial relatam essa realidade.

lounge-empreendedor-transformando-visao-estrategica-em-acao-proativaNo livro “Transformando Visão Estratégica em Ação Proativa”, os especialistas em estratégia corporativa Liz Mellon e Simon Carter oferecem um guia prático repleto de ideias para levar a estratégia à execução.

Utilizando bons exemplos de pessoas e empresas que empreenderam mudanças bem-sucedidas, os autores dividem o processo de assegurar que a nova estratégia de sua empresa seja traduzida em lucros e crescimento mensuráveis em cinco passos importantes:

  1. Mobilizar a Aldeia: fazer seus executivos seniores abraçarem a nova estratégia e engajarem-se ativamente em sua execução.
  2. Reunir os Anciãos: formar um pequeno time com as pessoas mais importantes da corporação para liderar a mudança estratégica.
  3. Potencializar o emocional: não pense demais; confie em seu instinto tanto quanto em seu intelecto.
  4. Estimular as pessoas: criar uma cultura de comunicação, senso de posse e acompanhamento dos objetivos estratégicos.
  5. Criar resistência: estimular a resiliência individual e organizacional.

Confesso pra vocês que gostei muito dessa ideia de aldeia!

Se você deseja que sua aldeia seja povoada com boas ideias e que sua estratégia seja implementada adequadamente, que tal primeiro fazer a seguinte pergunta: “que ambiente organizacional você têm criado internamente para estimular nos funcionários os comportamentos necessários para dar suporte à estratégia escolhida?”

Lembre-se que sem o ambiente apropriado, até o peixe pula fora d´água.

SOBRE O AUTOR:  

LIZ MELLON passou os últimos 25 anos planejando, desenvolvendo e oferecendo programas de desenvolvimento de liderança, inicialmente como professora da London Business School e atualmente como diretora executiva da Duke CE, o provedor líder mundial em educação executiva. A classificação mais influente do universo de líderes em pensamento, Thinkers 50, listou Mellon em seu “Radar Gurus”.

SIMON CARTER, ex-CEO da Baxi Heating UK, foi tema de um programa da BBC por seu trabalho em liderar a transformação corporativa durante o desafiador período de domínio sindical na década de 1990. Desde que deixou sua posição de presidente, Carter atua como consultor das empresas do FTSE.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...