18 out 2014

ESCOLHA VOCÊ

No Comments Carreira, Coaching, Comportamento, Escolhas, Liderança, Mercado de Trabalho, Sucesso

Aceitar as condições da vida, viver se lamentando ou sacudir a poeira, dar a volta por cima e enxergar um mundo cheio de (boas!) possibilidades? Qual é a sua escolha?

lounge-empreendedor-escolha-voce

Durante a última semana, retomei a leitura de um livro totalmente indicado para quem quer fazer mudanças na vida e talvez não saiba como… A resposta é muito simples e nos é dada logo no título da obra: Escolha Você!

Pode parecer um tanto egoísta, mas James Altucher, empreendedor de sucesso e investidor em startups, algumas das quais vendidas por milhões e outras que foram à falência, enfatiza que todas as decisões da vida devem ter como primeira e mais importante pessoa você mesmo.

Naturalmente, existem as relações, os sentimentos, e por isso, há de se compreender bem e respeitar as pessoas e as interdependências de nossas vidas. Contudo, se você quer mudanças reais, seja o sujeito e o objeto de suas ações. Tome decisões e tire o melhor proveito das vantagens que suas escolhas lhe trarão. Só dessa maneira você conseguirá viver uma vida plena e feliz. O resto – dinheiro, fama, sucesso – é consequência!

Em um mundo em que as mudanças são cada vez mais rápidas, onde ter uma faculdade não é mais garantia de sucesso; empregos com carteira assinada não são mais sinônimos de estabilidade e a concorrência está cada vez mais acirrada, não sabemos exatamente o que pode acontecer. Não dá pra ficar esperando o mundo escolher por você, certo?

Para acompanhar e sobreviver a tudo isso, você deve se transformar também. É essencial que você aprenda a diferenciar os estúpidos dos sábios (e que preferencialmente esteja entre os segundos!). Lembre-se do ditado: “O homem culto quer sempre mais. O homem sábio quer menos, e depois menos ainda.” Selecione aquilo que realmente faz a diferença na sua vida e faça apenas aquilo que você gosta. Isso pode parecer obvio, mas lamentavelmente, não é para a maioria das pessoas.

Em algumas culturas como o budismo, você espera que as coisas desapareçam da sua vida, busca reduzir suas necessidades e seus desejos para alcançar uma espécie de iluminação. Acredito nessa veia espiritual, e ouso dizer é ela que nos traz também a possibilidade de abundância. Afinal, se você diminuir as suas expectativas, fica bem mais fácil ir além e escolher apenas o que lhe faz bem.

Pense apenas nas coisas que você gosta. Leia apenas livros que curte. Vá apenas a lugares agradáveis. Almoce apenas com pessoas positivas. Faça disso uma prática diária. Toda vez que dizemos “sim” para algo que não queremos, geramos rancor, dispomos energia negativa, perdemos autoestima e destruímos uma pequena parte de nós mesmo. Pare com isso!

A estabilidade almejada por tanta gente não está nos modelos convencionais das empresas, nas convenções sociais ou nas regras e padrões que alguém nos impõe; seu equilíbrio é um encontro que se dará entre seus valores e limites pessoais. Se você mesmo não fizer escolhas corajosas por você, ninguém fará!

lounge-empreendedor-escolha-voce

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Comentários

comentários

Tags: , , , , , , ,
written by
The author didn‘t add any Information to his profile yet.
Related Posts